+55 11 2925 6035

imagem da noticia

O crescimento das tendências voltadas para a adoção de um estilo de vida mais saudável, ​​focado na prevenção de doenças, especialmente as doenças crônicas não transmissíveis, está gerando oportunidades e desafios para os fabricantes de vitaminas e suplementos alimentares. Nesse sentido, desde 2011, os gastos dos consumidores com esses produtos vêm aumentando, devido à maior conscientização sobre a importância de envelhecer com saúde e também à maior disponibilidade de produtos com atribuições funcionais específicas. Segundo dados da Mintel, plataforma de pesquisa de mercado, 44% dos consumidores desse segmento concordam que esses complementos contribuem para um estilo de vida mais saudável.

Ao olhar especificamente no mercado latino-americano, observa-se que essa tendência se mantém. De fato, o Brasil e o México são considerados os maiores mercados da região, representando, juntos, 66% das vendas em vitaminas e suplementos. Para explorar e potencializar o crescimento deste mercado, a tecnologia pode ser uma grande aliada.

A combinação de testes genéticos, o uso de dispositivos de automonitoramento, aplicativos de celulares e maior acesso à informação, estão transformando a atitude da população, pois as pessoas se sentem mais confiantes para criar sua própria dieta e definir de maneira independente o que vão consumir.

Esta personalização do consumo já chegou ao mercado de vitaminas e suplementos. Na Suécia, por exemplo, através da plataforma Vitamin Manager, já é possível para o consumidor optar por fazer sua própria combinação de vitaminas ou responder a um questionário com 12 perguntas sobre sua idade, peso, estilo de vida e obter rapidamente uma combinação de suplementos sob medida. Através de uma versão mais atualizada da plataforma, o consumidor pode ainda fazer um exame de sangue para analisar suas necessidades precisas e, então, obter sua cápsula ideal.

Dessa forma, daqui para frente, desenvolver plataformas de interação com os consumidores se torna estratégico. Trata-se de fornecer maiores e mais detalhadas informações sobre suas necessidades específicas e sobre os produtos que possam atendê-las, junto a indicações de consumo, indo ao encontro da crescente busca por produtos personalizados, o que torna promissor o desenvolvimento para o mercado de vitaminas e suplementos.


 

 

Referências:
 

Euromonitor International. Vitamins and Dietary Supplements - Market Trends, 2018.
 

New Nutrition Business, 2018.

Materias relacionadas

imagem da noticia

O que fazer para prevenir a diabetes

imagem da noticia

Nutrição e a Saúde Estética

imagem da noticia

A participação da colina na saúde